sábado

Significado da Páscoa


A palavra Páscoa vem do hebraico Pessach, que significa ressurreição, vida nova. Os antigos hebreus foram os primeiros a comemorar a Páscoa. Em termos históricos, ela celebra a libertação dos hebreus da escravidão no Egito e a passagem através do Mar Vermelho. É com o sentido de libertação que, até hoje, os judeus celebram esta festa.

Para os cristãos a Páscoa é a celebração da ressurreição de Jesus Cristo. Ela é a principal festa do ano litúrgico cristão e, provavelmente, uma das mais antigas, pois surgiu nos primeiros anos do cristianismo. Por ser uma data móvel, no Hemisfério Norte a Páscoa coincide com a chegada da primavera, o Pessach também é a festa do início da colheita dos cereais e da chegada da nova estação.

Nos Estados Unidos as crianças brincam de caça ao ovo no domingo de Páscoa. Os ovos cozidos, decorados com tintas, são escondidos pelos pais no quintal ou dentro de casa.

Na Bélgica e na França, o silêncio invade as cidades, pois os sinos das igrejas não tocam entre a Sexta-feira da Paixão e o Domingo de Páscoa.

Diz a lenda local que os sinos voam para Roma até a Páscoa e quando voltam, deixam cair ovos para que as pessoas encontrem!

Na Bulgária, há o costume de colorir ovos cozidos após a missa na Quinta-feira Santa. Eles também fazem pães pascais chamados kolache ou kozunak (parecidos com o Panetone).

Um pão é decorado com número ímpar de ovos vermelhos e levado à igreja na madrugada de sábado. Os pães e ovos são abençoados e dados aos amigos turcos da família.

A Páscoa da Suécia lembra o dia das bruxas americano. Na quinta-feira Santa ou na véspera da Páscoa, as crianças suecas vestem-se de bruxos, visitam seus vizinhos e deixam um cartão decorado para conseguir doce ou dinheiro!

Na Índia promove-se o festival Holi, para lembrar como o deus Krishna apareceu. As pessoas dançam, tocam flautas e fazem comidas especiais. Então, é hora de visitar os amigos e experimentar o que cada um preparou! O dono da casa costuma marcar a testa de seus convidados com pó colorido.

Já na China, acontece o Ching-Ming. Durante essa festividade, as pessoas visitam os túmulos de seus ancestrais e fazem oferendas, como refeições e doces. O objetivo é deixar os ancestrais satisfeitos com seus descendentes.

Na Europa Oriental, Ucrânia, Estônia, Lituânia e Rússia, as pessoas presenteiam parentes e amigos com ovos coloridos. Armênios decoravam cascas de ovos intactos com figuras cristãs, da Virgem Maria e outros temas religiosos.

Fonte:http://diocesedeuruacu.com.br/blogparoquianossasenhoradabadiabarroalto/?p=569

2 Comentários:

Às 18:18 , Anonymous Carlos miocide disse...

Que interesante.
Parece ser que la cosa es celebrar.
Compartir la alegria... y comer.
Comer con otros y gratis.
La primavera es una explosion de fuerza en todas las direcciones.
Gracias por hacer llegar hasta aqui tus estudios.

 
Às 12:34 , Blogger Jorge Ramiro disse...

Eu vi uma réplica da pintura em alguns restaurantes em itaim bibi. No início, eu não sabia onde eu tinha visto. Mas então me lembrei que eu tinha visto em alguns restaurantes.

 

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]

<< Página inicial