sexta-feira


MUSEU DA TECNOLOGIA

Imagine um lugar onde você pode realizar uma viagem no tempo e conhecer os avanços tecnológicos da humanidade nos últimos 200 anos. Esse local existe e chama-se Museu da Tecnologia da Universidade Luterana do Brasil. Funcionando no campus sede da ULBRA, em Canoas (RS), o Museu da Tecnologia está inserido entre os maiores do mundo, e, é, também, o maior da América Latina, no que diz respeito a sua quantidade e diversidade de acervo, especialmente na área destinada ao acervo automobilístico.

Sua área de 9346 metros quadrados abriga cerca de 270 veículos, entre carros de passeio, utilitários e motos, desde o Oldsmobile 1904, pertencente ao acervo da General Motors do Brasil, atualmente o modelo mais antigo em exposição, ater modelos de grande apelo popular, como as Corvettes. Raridades de marcas famosas da indústria mundial, como Rolls-Royce, Mercedes, BMW, Cadillac e Jaguar, estão expostas, juntamente com veículos que foram verdadeiros marcos da história da indústria automobilística nacional, como Chevrolet, Ford, VW e Fiat. Carros poucos conhecidos, como Amílcar, Marmon, Franklin, Packard e La Salle, entre outros, também fazem parte deste grande acervo antigomobilístico.

Além de apresentar a evolução dos automóveis ao longo de um século de industrialização, o museu mostra, por meio dos veículos expostos, os avanços tecnológicos incorporados com o passar dos anos e, ainda, o estágio social e econômico de cada época. Em determinados momentos, o visitante se defronta com carros gigantescos e consumidores de grandes quantidades de combustível, reflexo da época dourada do petróleo farto e do crescimento econômico mundial, especialmente nos anos 50 e 60 do século passado. Mas, também pode observar modelos compactos e extremamente econômicos, criados a partir das várias crises enfrentadas pela humanidade, como guerras, falta de aço e escassez de combustível.

Por isso, visitar o Museu da Tecnologia da ULBRA é garantir lazer, entreterimento e cultura num lugar só. Vem viajar no tempo conosco. Museu da Tecnologia da ULBRA: O passado presente no futuro.

A Comunicação e o tempo que não para

Os carros são os grandes expoentes do Museu da Tecnologia da ULBRA. Mas eles não brilham sozinhos. Existem espaços para exposições de relógios e de equipamentos ligados a área da comunicação, como rádios, câmeras fotográficas, máquinas de escrever e projetores cinematográficos, entre outros. Nesta ala do Museu da Tecnologia, é possível ter uma visão panorâmica de equipamentos que fizeram história na comunicação brasileira. Surgido no final do século XIX, o rádio, por exemplo, é, até hoje, um dos meios de comunicação mais importantes da história da humanidade, interligando milhões de pessoas em todo mundo. Centenas deles estão expostos no quarto andar. Finalmente, no espaço da Comunicação, o visitante confere como era uma agência de coleta e entrega dos correios do Brasil no início do século XX, por meio de uma detalhada réplica, que contém, também, veículos empregados pelo correio Brasileiro ao longo de sua história

Tic-Tac

Na área destinada aos relógios, o visitante do museu pode observar a evolução desses equipamentos através do tempo, sejam eles de bolso, pulso ou, ainda, de parede. Há ainda um modelo inteiramente feito à mão, com peças de carros e outros componentes, bem como relógios suíços totalmente confeccionados em madeira. A história dos relógios acompanha, efetivamente, a própria história da civilização. Iniciando-se por volta de 5000 anos passados registra a evolução do homem em seu progresso através dos tempos até os nossos dias. Já a industrialização dos relógios é relativamente recente, tendo começado há pouco mais de um século,. Na atualidade é uma das indústrias mais evoluídas do nosso planeta, sendo produzidos em todo o mundo cerca de 250 milhões de unidades anualmente. Isto sem dúvida porque a medição do tempo foi, é, e certamente continuará a ser uma preocupação permanente.

Restauro e Conservação

O Museu conta ainda com uma área de 6 mil metros quadrados para a reserva técnica de veículos e oficinas de restauro. O acervo de veículos a recuperar é cerca de 350 unidades das mais variadas marcas e modelos. Toda a atividade do Museu, quando totalmente implementado, estará intimamente ligada aos cursos da Universidade e futuramente formará profissionais das áreas voltadas a museologia.

SITE

Av. Farroupilha, 8001 · Bairro São José · Canoas/RS · Fone: +55 (0xx51) 3477.4000 Ramal 2604